segunda-feira, 26 de maio de 2008

Dois

Toques de dedos nas costas descobertas
Arrepios debaixo do lençol
Censuras largadas entre sussurros amanhecidos
Febre de dentes.

O colorido de dois olhos amigos
De duas almas perdidas
Do encontro dos dois corpos.

2 comentários:

pekena disse...

Eu diria que quando isso acontece é mais do que corpos que se encontram. Olhares que conversam são almas de mãos dadas...

Paula Oliveira disse...

Adorei "dois olhos amigos" ... "duas almas perdidas" ... "encontro de dois corpos". Sintetizam a cumplicidade e a entrega. Coisas de amor... =)
Liiiiiiiindo!!!