domingo, 26 de agosto de 2007

Totally Cool

Sabado à noite, hora de sair da reclusão máxima depois de duas semanas longe da noite paulistana devido às responsabilidades acadêmicas retomadas após longo período de greve e férias. Saudade dos tipo esquisitos e engraçados, bonitos e interessantes, xavequeiros e malandros da gafieira hype, mais conhecida como Ibotirama, e das noites intermináveis na casa divertida.
Produção quase independente na companhia de uma das melhores companhias. Risadas e bobeiras regadas a seleta e cervejinha na mesa de canto e no canto do balcão.
Uma rosa presa ao cabelo, maquiagem leve, papos fúteis sobre cabelo e esmalte, saudosismo das belezas e encantos de ilhas longínqüas e situações engraçadas envolvendo bêbados apaixonados.
Auto-estima elevada de forma contraditória, afinal confiar em bêbado tem duas mãos. A sinceridade extrema do estado alcoólico e a deturpação da realidade da visão deste estado. Um tipo muito engraçado de bêbado, um tipo xavequeiro e malandro. Maquiagem linda, totally cool. Linda. Puro Style. Parece que não era só a mulherada que estava no âmbito fútil da percepção da 'realidade'.
Festinha engraçada com gente esquisita. Oswaldos Montenegros barbudos e cabeludos andando pelos corredores e escadas, fazendo caretas e inventado histórias. Gente gentil.
Conversas eternas com todas as pessoas do bar. Encontros com irmãos da balada. Declarações de amizade. Ampliação do círculo de amizades e, às sete horas da manhã - xaveco by Oswaldo Montenegro cover com direito a cabecinha no ombro, óculos escuros e canseira de se divertir.
A volta de ônibus, as novas paixões a partir daquela noite, o nascer do sol, fuscas style. Dormir até a hora do almoço e acordar para comer a lasanha mais delícia do mundo.
Domingo à tarde e toda a vida de sempre volta ao normal. Aconchega-se em páginas de livros, preocupações com a segunda-feira, discussões políticas e místicas duante o café e a dificuldade de desenvolver aqueles textos começados no dia de folga cheio de aventuras.
Pelo menos tudo isso vale a pena. Ou não. Deve valer. Pelo menos dá para escrever alguma coisa e passar o resto de noite entre o relaxed de ter tido a noite de sábado, e stressed de saber que se terá o dia de segunda.
Boa semana.

Um comentário:

Mariazinha sem Joãozinho: disse...

Arrasa, Fridíssima!
Oswaldo Montenegro cover?!
Achei um luxo... ;***

Devo dizer que tenho amado seus textos. Inspiradíssimos e muito bem escritos.

Beijosmeliga!